Romeiros

 

 

Para quem nunca ouviu falar em Romeiros, fica abaixo um pequeno resumo desta tradição.

As Romarias começam na primeira semana da Quaresma e terminam na última semana da Quaresma. 

Os Romeiros são uma manifestação religiosa única. 

Os Romeiros da Ilha de São Miguel são  grupos de católicos, que durante uma das semanas da Quaresma, se propõem visitar todas as igrejas e ermidas onde se venera a imagem de Maria, cantando e rezando durante todo o percurso. Esta prática, também se chama Visita às casas de Nossa Senhora, e tem a sua motivação, como reza a tradição, nas calamidades públicas causadas pelos terramotos e erupções vulcânicas ocorridas em 22 de Outubro de 1522 e 25 de Junho de 1563, que arrasaram Vila Franca do Campo e prejudicaram gravemente a Ribeira Grande. Nesses momentos de aflição os micaelenses, para implorarem a misericórdia divina, fizeram preces públicas ao Céu por intermédio de Maria e sentiram tão viva a protecção do Alto, que jamais, desde então até ao presente, deixaram esta piedosa pratica, conservando-a na suas características primitivas.

Os fins das romarias são:
a) fazer penitência pelos pecados próprios alheios;
b) suplicar as bênçãos de Deus para as Terras dos Açores, para Portugal inteiro e todo o mundo.

Os Romeiros são Homens de fé e de coragem!


 

publicado por ginger às 23:11 | comentar | favorito